Skip to main content

Viagem para Surabaya (24 de Outubro)

Quando nos habituamos a determinado nível de vida e luxos é complicado mudar de hábitos.

Durante a manhã ainda tivémos a oportunidade de desfrutar do resort espectacular que tínhamos à disposição, o Novo Hotel de Lombok. O dia começou cedo, como costume, e ainda tomámos um farto e saboroso pequeno almoço na companhia do outro grupo tuga. Como só tínhamos mesmo a parte da manhã para estar no resort, primeiro fomos à praia, a uns escassos 20 metros do hotel, em jeito de praia privada, a água era um pouco mais fria do que já nos tínhamos habituado mas ainda assim muito boa, uma praia quase deserta só para nós com uma árvore linda e viçosa no meio do mar e umas sombrinhas muito agradáveis.

Read More

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedinmail

Lombok (23 de Outubro)

A melhor forma de comemorar os meus recentes 26 anos foi acordar às 6h30 para podermos apanhar o barco que nos levaria a Lombok a tempo e horas.

Às 7h estávamos todos prontos para o pequeno almoço no nosso modesto hotel, o problema é que, apesar de o horário de pequeno almoço ser das 7h às 10h, a cozinha só abria às 7h30, o que associado à lentidão nos faria certamente perder o barco. Indonésios…

Assim, de estômago vazio, lá contratámos duas carroças (apelidados carinhosamente de pangarés) para levar as malas ao porto de embarque, que de porto só tem mesmo o nome. Como o barco afinal só sairia às 8h15 ainda conseguimos enganar o estômago num tasco junto ao porto.

Entrámos no barco, com o pé na água e a água pelo joelho, um barco que mais parecia o autocarro do povo, e a viagem fez-se tranquilamente durante cerca de meia hora, sempre na conversa com risos e boa disposição entre os 12 tugas. Tive direito aos Parabéns cantados pelos portugueses em pleno barco.

Read More

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedinmail